Uma direcção. As horas a passar. O nascer-do-sol. Uma árvore frondosa. Um sorriso espontâneo. Uma janela aberta para ver o mundo girar.
Não só ver. Participar. Contribuir. Girar com ele. Porque o mundo não pára e a vida também não.

A direction. The sunrise over the ocean. A leafy tree. A spontaneous smile. An open window to see the world turning. Not just see.
To participate. To contribute. To turn in the same direction. Because the world keeps turning and so does life.

domingo, 15 de agosto de 2010

Regresso de férias

Este ano as minhas férias foram repartidas por 3 países. Primeiro Portugal, onde o descanso foi substituido pela visita a familiares e amigos e por uma passagem rápida por alguns lugares que gosto. O segundo foi Itália, onde tive o prazer de partilhar as paisagens, os banhos no lago, os filmes nocturnos e os gelados com a minha afilhada de 13 anos e a sua irmã mais velha, que se revelaram óptimas companheiras de percurso. O terceiro foi a Finlândia, onde me fui encontrar com amigos do tempo de Erasmus para celebrar os 10 anos que nos conhecemos. Férias repartidas no tempo e partilhadas com pessoas diferentes. Um tempo de (re)descoberta das pessoas que fazem parte da minha vida há muito tempo, esse tempo que deixa marcas boas vísíveis na personalidade mais segura e madura e na certeza de saber o que (não) se quer. Nestas férias, boas surpresas vieram parar-me às mãos e guardo-as com a maior satisfação. Estas fotos são apenas alguns dos momentos que me encheram de orgulho ou alegria por fazer parte da vida destas pessoas. Bem hajam por existirem.

Em Itália

Na Finlândia